Aberta inscrições para novos Vereadores Mirins de Ituporanga

O prazo para inscrição vai até o dia 26 de outubro, o período de campanha inicia no dia 29 desse mês e segue até 09 de novembro.

Já estão abertas inscrições aos alunos interessados em participar das eleições para a escolha dos novos "Vereadores Mirins" de Ituporanga. O Programa tem entre os objetivos promover a interação entre o Poder Legislativo e as escolas, permitindo ao estudante compreender mais profundamente os trabalhos que são desenvolvidos pelos vereadores. Os novos "Vereadores Mirins" devem ser conhecidos no mês que vem, o período de inscrição foi aberto na segunda-feira (08) e segue até o dia 26 de outubro. A campanha será realizada a partir do dia 29 de outubro e as eleições ocorrem nas escolas no dia 12 de novembro. 
O vereador Leandro Heinzen (PSB), idealizador do projeto, que já acontece desde 2014, comentou que após a introdução do Programa em Ituporanga já são percebidos mudanças positivas. “Vemos que a política se tornou assunto nas famílias e isso é muito importante, pois cada vez que a população se envolve os resultados são mais satisfatórios. As crianças aprendendo desde cedo sobre o que é política e vivenciando isso, com certeza, no futuro, teremos políticos melhores”, afirmou.
O "Vereador Mirim" exerce mandato de um ano e durante todo o período recebe ajuda com material escolar no início do ano, vale transporte e também um lanche é fornecido quando comparecem às sessões, que ocorrem na Câmara de Vereadores uma vez por mês. Os alunos têm acesso ainda a cursos em parceria com a escola do Legislativo como oratória, política social, além do acesso a toda história da Câmara e o funcionamento dela na prática.
Alguns projetos sugeridos pelos jovens são levados a Câmara de Vereadores e têm a oportunidade de se tornarem realidade, um exemplo, é o projeto de iniciativa dos "Vereadores Mirins" encaminhado no mês passado, pedindo que fosse criado o Dia Municipal de Limpeza do Rio Itajaí do Sul, a indicação já foi discutida e aprovada pelos legisladores se tornando Projeto de Lei.

Assessoria de Comunicação
Erlon Carlos