Édio Carlos Machado recebe Título de Cidadão Ituporanguense

Filho de Francisco Claudino Machado, In Memoriane de Maria de Lourdes Machado, Édio Machado nasceu em 13 de Novembro de 1945, mas foi registrado erroneamente  como nascido em 25.12.45) no Município de Bom Retiro, hoje Alfredo Wagner.


Iniciou seus estudos na Escola Isolada de Rio do Engano e Limeira, ambas no Município de Alfredo Wagner e posteriormente cursou o 3º ano primário no Colégio Mont’ Alverne de Ituporanga. Em 1958, por decisão da mãe, passou a estudar no Colégio Dom Bosco de Rio do Sul, onde terminou o ensino primário e ingressou no Colegial, hoje 2º Grau.


Estudou no Dom Bosco até 1962 e, em 1963 iniciou na Escola Técnica de Comercio Santo Estevão de Ituporanga, o curso de Contador. Após por ter sido convocado para o Exército, em 1964 cursou o 2º Ano no Colégio Diocesano de Lages e, após dar baixa do Serviço Militar, voltou para Ituporanga, onde concluiu o Curso de Técnico em Contabilidade, profissão que exerceu até 1982.


Em 1978, querendo mudar de profissão, prestou Vestibular para o Curso de Direito, tendo sido aprovado para cursar o mesmo na FEPEVI, hoje UNIVALI, de Itajaí, SC, tendo colado Grau em dezembro de 1982. Logo depois de formado instalou o próprio escritório de Advocacia, atividade que continua a exercer até hoje. Como atividade paralela, à época, foi Professor da cadeira de Direito e Legislação, lecionando no Colégio Santo Estevão, por mais de 10 anos.


Casou-se em 1987 com Solange T. Lehmkuhl, e da união nasceram três filhos: Marcelo, Cristiano e Luciana, todos formados em Direito, sendo que somente o Cristiano não exerce a profissão, preferindo ser Empresário.


Após o Divórcio, quando ficou separado por 10 anos, de relacionamentos diversos, nasceram mais dois filhos, Eduardo e Braian Otavio. Em 2000 casou-se com Elis Regina Rossi, atual esposa, de cuja união nasceram mais dois filhos, Bruna e Mateus.


Seguindo a influência do pai, que alem de político, tinha a aptidão de empreender, Edio Machado passou a desenvolver em Ituporanga a atividade comercial, de construção civil e industrial. Após alguns anos resolveu abandonar por conta da situação econômica do país.


Anos depois voltando a acreditar na possibilidade de êxito e na pujança do crescimento de Ituporanga, em 2004, juntamente com a esposa Elis Regina, abriu a empresa  de “CHEGA MAIS”, que perdura até hoje no centro da cidade, empregando mais de 25 funcionários.


E o ramo empresarial seguiu falando alto. Em 2009, fundou a empresa “Salto Grande Modas Ltda.”, que atualmente funciona com o nome fantasia de “Mix da Economia” e mais recentemente fundou na mesma parceria que tem com a esposa a empresa “Vem Q é  10”, vendendo produtos de qualidade com preço único, empregando estas mais 12 funcionários.


Paralelo ao comércio, reativou a empresa “Incorporadora Salto Grande Ltda. e voltou em 2008 a atividade da construção civil,  construindo o Edifício Costa do Sol, com 15 apartamentos. Com a conclusão e entrega do empreendimento em 2010, no ano seguinte lançou o Edifício Valle Sul, um projeto mais arrojado, com 29 apartamentos e 11 salas comerciais, já entregue em setembro de 2014 deste ano.


Alem dos dois empreendimentos, foram entregues pela mesma parceria três prédios de pequeno porte, no Loteamento Girassol e mais um no Bairro Jardim America.


Edio Carlos Machado, ficou marcado também na história política de Ituporanga. O interesse pela política surgiu já na escola onde sempre participou das eleições dos grêmios Escolares. Incentivado também pelo pai que foi vereador em Bom retiro e primeiro prefeito nomeado em Petrolandia  Edio Carlos Machado resolveu se candidatar a vereador em 1972, ano da sua primeira vitória nas urnas. Lembrando, que na época o mandato de vereador era gratuito. Após este mandato concorreu a mais 06 eleições, logrando êxito em todas elas, totalizando 07 mandatos com 32 anos de vereança, sendo por três vezes presidente da câmara.


Como vereador, representando o Município, foi eleito Secretário Geral da União dos Vereadores de Santa Catarina (UVESC) e ainda a nível regional, ajudou a fundar a UVAVI, hoje UCAVI, na cidade de Ituporanga, tendo presidido a referida entidade por 05 vezes.


A nível de Câmara de Vereadores, foi Presidente da Comissão que editou a Lei Orgânica do Município e, ainda o novo Regimento Interno.


Galgando novos cargos foi candidato a Deputado Estadual em 1982, não logrando êxito na eleição, porem conquistou mais de 50% dos votos válidos de Ituporanga.


Por ter escolhido Ituporanga para empreender,por ter contribuído vários anos como representante do povo no Poder |Legislativo da cidade, temos a honra de lhe entregarmos nesta noite o título de cidadão ituporanguense.