Vereador participa em Blumenau de convenção sobre  Sistema Nacional de Regulação da Saúde

Durante o uso da palavra livre na sessão de segunda-feira (7) o vereador José Eudes Damann (PSDB) falou a respeito do programa e dos benefícios que isso trará a população.

   O vereador José Eudes Damann (PSDB), juntamente com servidores da saúde de Ituporanga participaram em Blumenau de uma convenção sobre o Sistema Nacional de Regulação da Saúde. O evento teve como objetivo lançar o programa que deve começar a funcionar em todo o Estado de Santa Catarina em breve. O Sistema Nacional de Regulação – SISREG é um sistema web, criado para o gerenciamento de todo complexo regulatório, através de módulos que permitem desde inserção da oferta até a solicitação, pela rede básica de consultas, de exames e procedimentos na média e alta complexidade bem como a regulação de leitos hospitalares, objetivando maior organização e controle do fluxo de acesso aos serviços de saúde, otimização na utilização dos recursos assistenciais e visando a humanização no atendimento. O SISREG é uma ferramenta fornecida pelo Ministério de Saúde de forma gratuita sendo sua utilização não compulsória, como forma de auxiliar na regulação do acesso.

   Segundo o vereador durante a convenção foi explicado como toda a saúde do Estado estará integrada ao sistema e que com a ativação desse programa não será possível burlar a fila de espera de exames, consultas e até cirurgias. “Sem dúvida esse programa virá para melhorar o atendimento da saúde no Estado. As filas de espera estarão todas disponíveis no sistema e a partir do momento que o paciente foi diagnosticado com algum problema e precisar fazer qualquer exame ou consulta com especialista, ele automaticamente entrará na fila de espera e o melhor, ele poderá monitorar o agendamento todo de casa pela internet”, explicou o vereador.

   Damann destacou ainda que esse sistema já é utilizado em Blumenau e Florianópolis a mais de 10 anos como um projeto piloto. Ele explicou que existe uma regulação onde os próprios médicos da Secretaria do Estado é que fazem essa triagem e agendamento de datas dos procedimentos. “Isso com certeza é um ganho de causa para a saúde dos catarinenses. O que existia e ainda existe é pessoas conseguindo burlar a fila de espera, mas isso agora acabou, não será mais possível. Os hospitais e prestadoras de serviço na saúde estavam na convenção e todos agora precisarão se adaptar a esse sistema, ou não poderão mais prestar serviços ao Estado”, detalhou o vereador.

            O vereador concluiu informando que será possível acompanhar todos os agendamentos e datas dos procedimentos no site da Secretaria de Saúde do Estado com o CPF do paciente. “Lá aparecerá qual procedimentos, ressonância, cirurgia, enfim a data do procedimento e onde ele será realizado. Todo os dias as 16h o sistema será atualizado”, finalizou.