Vereador sugere fechamento de rodovia em apoio aos cebolicultores da região

Ato serviria para chamar atenção das autoridades para os problemas enfrentados pelos produtores nesta safra 2016/2017

A insatisfação dos produtores de cebola com o baixo preço para a comercialização da hortaliça em toda a região foi tema mais uma vez na Câmara de Vereadores de Ituporanga. O assunto foi levantado nessa semana pelo vereador Almir Scheffer (PMDB). Para o vereador é necessário fazer uma mobilização e fechar as rodovias na região para cobrar atitudes das autoridades.

“Nossos produtores estão com muitos problemas nessa safra. O baixo preço, problemas na classificação, o medo da importação do produto de outros países e ainda a dificuldade para quitar os financiamentos nas agencias bancárias. É preciso fazer alguma coisa”, desabafou.

Santa Catarina é o maior produtor de cebola do país, responsável por um terço da produção nacional, com a previsão de 600 mil toneladas em 2017.  Apenas em Ituporanga, a safra passou de uma média de 20 toneladas por hectare em 2016 para 45 toneladas por hectare neste ano. Já o preço foi de R$1,50 pelo quilo para R$ 0,55.

“Temos um super safra e se deixarmos com está, muitos produtores não conseguirão nem vendar o que produziu e para quitar dívidas terão que se desfazer de bens que possuem na propriedade”, acrescentou.

Ainda segundo o vereador “Titi Scheffer”, é preciso unir as classes que defendem os agricultores e junto com os sindicatos e a imprensa, fazer uma mobilização.

Vamos parar a rodovia e exigir que o Ministro da Agricultura venha até aqui e se comprometa e de fato faça alguma coisa. “Se nós, formos a Brasília, vamos entregar documentos, e esses documentos ficam engavetados e nada acontece”, concluiu.

Pela sugestão do vereador o manifesto a  paralisação teria que ocorrer ainda neste mês de março, antes da realização da 24ª Expofeira Nacional da Cebola, que será realizada em abril.  

Câmara de Vereadores de Ituporanga

Assessoria de Comunicação

98803-7733